BRASÍLIA VIVE ENTRE NORDESTINOS / GAÚCHOS / CARIOCAS / PAULISTAS / E EXTRATERRESTRES.

A disposição para se investigar a fenomenologia ufológica da capital federal está presente no núcleo de estudos de fenômenos paranormais (NEFP), vinculado ao Centro de Estudos Avançados Multidisciplinares (CEAM) da Universidade de Brasília, que, além de agregar acadêmicos interessados em outras áreas temáticas, abre espaço para a ufologia e seus temas correlatos. Claro que há aferradas resistências aos assuntos caros e de interesse do NEFP sentidas pelos investigadores associados aos núcleo. Não obstante, o fato é que a exploração de matérias tão pouco usuais no círculo acadêmico continua a cumprir seu curso.

Digo isso por que Brasília deve ser vista, principalmente, como uma moldura que guarda uma sacralidade rica em manancial transcendente, que mistura o metafísico, o místico, o religioso de tal forma característico da capital federal que não se vê com profundidade - uma Brasília Mística.

Há referências culturais que poderiam ancorar a afirmação de Brasília como uma urbe espiritual. No que toca às edificações religiosas e suas correspondentes orientações de fé, poder-se-ia, por exemplo,  mencionar e submeter à análise a pioneira igreja Nossa Senhora de Fátima (a Igrejinha), a não menos precursora Igreja São José Operário, a admirável mesquita do Centro Islâmico de Brasília, a beleza em detalhes do Templo Shin-Budista da Terra Pura, a arte encantada da Praça dos Orixás, o ecumênico Oratório dos Soldados, a sede da Federação Espírita do Brasil, e os mais de dois mil e quinhentos centros de cultos religiosos evangélicos que, sob múltiplas denominações, espraiam-se pela Capital Federal.

Registro, ainda, típicos ambientes de concentração como a Ermida Don Bosco, a Ermida do Templo da Boa Vontade, a Ermida do Templo da Ordem da Rosa Cruz, a Ermida da Igreja Adventista do Sétimo Dia, edificações outras, tanto sagradas como profanas, que assumem em sua arquitetura a forma piramidal, como o Teatro Nacional de Brasília, como a sede da Companhia de Energia Elétrica de Brasília (CEB), e a Igreja Messiânica.

Deve-se citar, ainda, duas personalidades características da atmosfera mística em que se acomoda a capital federal: o mestre Yokaanam - fundador da Cidade Eclética -, e Tia Neiva - fundadora do Vale do Amanhecer. Disto tudo sobressai a face pluriidentitária de Brasília quando a vislumbramos por completo, deixando-se inspirar e também sentir uma lógica plena na relação das coisas que a compõe, exaltando-se pelo afetuoso convívio que há entre nós com os Nordestinos, com Gaúchos, com Cariocas, com Paulistas, e também, e principalmente, com os Extraterrestres.


Comentários

ULTRAPASSOU 2000 VISITAS:

SERENDIPITY.

FUMAR É QUESTÃO DE LIVRE-ARBÍTRIO, VOCÊ CONCORDA?

A VIOLÊNCIA CONTRA O NEGRO NO BRASIL

SE VOCÊ TEM INSTINTO INVESTIGATIVO PODERÁ AJUDAR NA RECUPERAÇÃO DE 87 MIL VEÍCULOS E A PRENDER 4 MIL FORAGIDOS

COMA OVOS. MUITOS!

AS NOVE ESPOSAS DE VINÍCIUS DE MORAIS E OS DERRADEIROS ANOS DA VIDA DO POETA

DEMOCRACIA RACIAL - SERÁ?